Soraia Veltri

Os Passos da Esperança

Textos

ACESSIBILIDADE- O direito de ir e vir
    Isso é um absurdo!           Não posso deixar de manifestar a minha indignação.... Infelizmente, através da Reportagem do Jornal Nacional, exibida no dia 9/03/12, fica mais uma vez provado o quanto não esta-
mos preparados  ( profissionais da área de transporte e passageiros ) para lidar com os PNEs, principalmente com aqueles que são usuários
de cadeiras de roda.
   Apesar   dos   veículos   de   transporte   terem equipamentos que poderiam facilitar a  ACESSIBILIDADE, os mesmos não funcionam e por falta de um treinamento e uso contínuo dos equipamentos, os motoris-tas têm dificuldades para fazer com que estes se tornem funcionais, e assim sendo fere o direito de ir e vir.
    A partir da minha vivência, enquanto PNEs, posso dizer que é preci-so  mudar e  conscientizar a  todos  quanto  a  inclusão   dos    PNEs, buscando uma melhor qualidade de vida,     através da acessibilidade,  boas condições   de    transporte,   vias   e   calçadas,   do lazer, da habitação , da educação e saúde, dentre outras.
    ATENÇÃO! para  a   forma   como   motoristas   param  nos pontos, quando param, pois muitas vezes estão no meio da rua, afastados do
meio fio, impossibilitando a entrada nos veículos de transporte.
É UM DESRESPEITO! É preciso treinar e fiscalizar os profissionais que atuarão diretamente com os PNEs, de maneira assertiva, facilitando a
prática do que aprenderam e o uso deste conhecimento no cotidiano.
Quando  nos colocamos verdadeiramente no lugar do outro, descobri-mos que não estamos livres e temos limitações, com as quais tb preci-samos aprender a lidar.
    O   fato   de não   perceber,   ignorar   as diferenças e   se tornar impotente diante destas necessidades diárias já é uma limitação. PENSE NISSO...
Conviver e ultrapassar obstáculos é um aprendizado. Vc está disposto a aprender ou    prefere   fugir e   se acomodar diante daquilo que lhe rodeia?
É necessário  que  os  veículos  de comunicação continuem buscando  informações que revelem  a exclusão e o preconceito, demonstrando a realidade, o que acontece no dia a dia.    Quem   sabe assim, de alguma , possa haver uma mudança comportamental satisfatória, onde os direitos de TODOS, INCLUSIVE OS PNEs, possam ser cada vez mais respeitados.
Soraia Veltri
Enviado por Soraia Veltri em 10/03/2012
Alterado em 10/03/2012


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras